As empresas estão em busca de pessoas focadas em inovação

04 de Fevereiro de 2019

As empresas estão em busca de pessoas focadas em inovação. 
Confira dicas para se destacar profissionalmente em 2019.

De acordo com a Associação Brasileira de Startups (Abstartups), o Brasil fechou 2018 com 10 mil startups. No início do ano, havia 7 mil, o que representa um crescimento de 30%. Também foi o ano em que surgiram os primeiros unicórnios – startups que valem mais de US$ 1 bilhão – entre eles a Movile e o iFood. Pensando nisso, a busca por profissionais que vão de encontro aos ideais de inovação neste mercado está crescendo cada vez mais.

A Movile, um dos líderes globais de marketplaces móveis e que conta com mais de 2.300 funcionários espalhados pelo Brasil, Argentina, Colômbia, Estados Unidos, França, México, Peru, listou quatro dicas para os profissionais se destacarem nesse segmento promissor.

1 – Seja focado em inovação

O ritmo de uma startup é mais acelerado do que outras empresas. “Precisamos inovar o tempo todo e ser versátil para lidar com situações inusitadas. Ter alguém que compartilhe dessa perspectiva é um diferencial”, ressalta Bárbara Camargo, Gerente de Talent da Movile. O profissional precisa pensar sempre à frente dos negócios para montar estratégias que façam a empresa se diferenciar das demais e resolver a vida dos clientes de forma simples e rápida.

2 – Tenha capacidade de assumir riscos e tomar decisões rapidamente

As empresas de tecnologia surgem a partir de uma ideia disruptiva e oferecem produtos diferentes que auxiliam a população de forma geral – como é o caso dos aplicativos de transporte, food delivery etc. O empreendedor, apesar de muitas vezes ter em mente que a sua ideia pode dar errado, deve assumir esse risco. Além disso, é necessário tomar decisões rápidas para que o negócio não fique estagnado, o que é considerado um risco ainda maior.

3 – Seja multidisciplinar

É necessário ter habilidade de assimilação entre áreas e conhecimentos diversos para resolução de conflitos e competência para aprender coisas novas e suas aplicações no cotidiano. “O mercado espera por profissionais que consigam destrinchar problemas e criar soluções, que sejam multidisciplinares e flexíveis para lidar com mudanças diárias. Também é um diferencial que tenham uma visão sistêmica, criando um ecossistema de troca de conhecimento”, comenta Bárbara.

4 – Cultura de crescimento

Além de ser focado em inovação, é esperado que o profissional tenha uma cultura de crescimento e desenvolvimento. Quem trabalha com startups está sempre procurando algo a mais, que realmente promova um destaque dentro da companhia. “Não se contentar com o básico, estar sempre em busca de se atualizar e se capacitar, chama muito a atenção dos gestores”, finaliza.